quinta-feira, 5 de julho de 2012

EYECIBORN

video

Um comentário:

Alex CW. disse...

Olá Professor, gostei muito da postagem.
O incremento das capacidades humanas têm se tornado assunto relevante quando se pensa no futuro individual. Acho que o fator social irá apenas tardar ou acelerar este acontecimento e, o fator econômico irá tornar viável ou inviável.
De qualquer forma, vejo duas vertentes básicas do incremento humano, uma no ciborguismo, que já têm mostrado resultados tanto na parte motora, com olhos, pernas, braços, automatizados; Existem também desenvolvimento ciborguista relativo a órgãos artificiais, com corações artificiais, bombas de infusão sensíveis a níveis sanguíneos de glicose, simulando o pâncreas e o sistema insulina-glucagon.
Outra vertente máxima é o incremento biológico puro, em que dois são os principais subconceitos: melhoramento genético, com modulação pré ou pós concepção, e o uso de células-tronco. A modulação pré-concepção poderia ocorrer com uma célula em divisão, como do blastômero, alterada "à vontade" e recolocada. A modulação pós-concepção seria o uso de alimentos, proteínas, aminoácidos e drogas(fármacos) que permitiriam uma melhor modulação genética a fim de evitar o desgaste do DNA, por exemplo.
Já o uso de células-tronco, concebido no seu perfeccionismo ideal, seria capaz de repor tecidos ou até órgãos inteiros renovados, permitindo a quase eterna juventude, devido à renovação de partes do corpo - um fígado doente poderia ser retirado para dar lugar a um novo.
Intrigante, não?